Jovens participam de Mochilaço no Paraná

em 24 de maio de 2018 por MAGIS Brasil

No último sábado, 19 de maio, o Espaço MAGIS Curitiba, com o apoio da Comunidade de Vida Cristã (CVX),​ promoveu a segunda edição do Mochilaço. Foi realizada uma caminhada de 13km por estradas rurais de Mandirituba (PR), na região metropolitana da capital paranaense. A experiência consiste em uma caminhada com uma mochila nas costas, com pouca bagagem, para viver tempos de oração, inserção comunitária, celebração e convivência com outras pessoas nas suas diferentes escolhas e projetos de vida.

Quase 50 pessoas começaram o dia no Colégio Medianeira, com um aquecimento que trabalhou a relação da música com a espiritualidade e com a história de Santo Inácio de Loyola. O grupo então prosseguiu até o Mosteiro do Encontro, na Comunidade de Areia Branca dos Assis, onde as monjas beneditinas fizeram uma introdução à caminhada lembrando que Santo Inácio também começou sua peregrinação em um mosteiro beneditino, em Montserrat. Dali partiram para os 13km de jornada, fazendo momentos de silêncio e paradas para reflexão, caminhando sob a inspiração de Inácio peregrino e refletindo a partir de três pilares essenciais:
1. Eu comigo – Que fiz? – A vida de Inácio antes da sua conversão.
2. Eu com Deus – Que faço? – A vida de Inácio a partir da sua conversão. Ver Deus em todas coisas criadas.
3. Eu com os outros – Que farei? – Projeto de vida. A busca do magis. A maior glória de Deus.
Durante o caminho, os mochileiros enfrentaram sol, frio e chuva e também puderam ter contato com grupos de jovens locais, que receberam todos com muito carinho e prepararam atividades de convívio e vivência da fé. A caminhada foi finalizada com uma missa, junto a comunidade de Campestre dos Paulas.
Inspirados na pedagogia dos Exercícios Espirituais e na experiência de Inácio de Loyola, o Mochilaço oferece essa peregrinação orante. Um exercício para fortalecer a nossa liberdade diante dos apegos e crescer no conhecimento interno do Senhor.
Confira, abaixo, depoimentos de partilhas dos participantes do Mochilaço.

Valdecir de Morais, morador da comunidade Campestre dos Paulas

Gabriela Weinert Moraes


Texto e informações: Espaço MAGIS Curitiba

Compartilhar
Twittar
+1