Se encerra o III Simpósio Nacional ‘’Aproximações com o mundo juvenil’’

em 13 de julho de 2019 por MAGIS Brasil
Evento reúne pesquisadores da rede latino americana para falar sobre  juventude

O III Simpósio Nacional “Aproximações com o mundo juvenil’’ está encerrado na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (FAJE) em Belo Horizonte (MG). O evento reuniu cerca de 250 participantes, entre jovens, estudantes, pesquisadores, militantes e professores, do dia 11 a 13 de julho.

O dia iniciou dando continuidade às apresentações das pesquisas nos grupos de trabalho. Na sequência, aconteceu a mesa “Jovens, experiência religiosa e sentido de vida” com o Dr. Geraldo Luiz De Mori e a Dra. Sílvia Regina Alves Fernandes, que ofereceu diferentes visões acerca das experiências religiosas de jovens no Brasil e a relação das religiões com a busca pelo sentido da vida. O Dr. Geraldo destacou que essa busca faz parte da condição humana e a religiosidade pode ou não ajudar o ser humano a encontrar o sentido da vida. Trazendo um ponto de vista da teologia cristã, ele lançou luzes sobre tema partindo também da exortação apostólica “Christus Vivit” e salientou que existe uma pluralidade de mundos juvenis e portanto uma pluralidade de sentidos, o que não nos permite analisar as juventudes de modo abstrato. Já a Dra. Sílvia trouxe um olhar a partir dos conhecimentos das ciências sociais, apresentando dados quantitativos e qualitativos sobre como os jovens se relacionam ou não com as religiosidades. Expôs casos emblemáticos que ajudaram a compreender essas relações e partilhou um dado relevante encontrado nas pesquisas que aponta um crescimento de uma desinstitucionalização religiosa.

Logo após, aconteceu o painel “Experiências de jovens e profissionais na linha do projeto de vida” que apresentou dois projetos: Brota e Janela da Escuta, ambos ligados à UFMG, que articulam ensino, pesquisa e extensão com os jovens através de diferentes oficinas culturais e artísticas e espaços de escuta aos anseios da juventude.

No período da tarde, foram oferecidos minicursos para aprofundar temas específicos das realidades juvenis e proporcionar um momento de troca. Foram eles: Sofrimento psíquico e a relação com racismo e outros preconceitos, por Dr. Márcio Farias (PUC SP); Projeto de vida e juventude, por Dra. Liciana Caneschi (Especialização em Juventude/FAJE); Formação religiosa e saúde mental, por Ivan Rodrigues; Projetos de vida juvenis no centro da política pública de juventude, por Ms. Martha Lucía Gutiérrez Bonilla (Universidad Javeriana de Bogotá) e Ações coletivas juvenis: a dimensão educativa das organizações sociais, por Dr. Luís Antonio Groppo (Universidade Federal de Alfenas)

Agradecemos a todos que participaram presencialmente e àqueles que nos acompanharam pelas redes sociais.

Preparamos um vídeo com os momentos desse evento que é uma grande rede de construção e partilha de conhecimento acerca das juventudes. Um espaço dentro da academia que dá voz aos jovens das mais diversas realidades. Confira a página da Especialização em Juventude no Mundo Contemporâneo para assistir ao vídeo e acompanhar todas as informações sobre o curso.

Compartilhar
Twittar
+1